O conhecimento a serviço da vida

O conhecimento a serviço da vida


Jovem cientista
Descoberta da cura da COVID 19
Aprendizagem solidária


Por Katia Gonçalves Mori

Aprender em contexto 

A falta de conexão entre a aprendizagem escolar e a vida é uma das maiores causas da desmotivação para o estudo. Segundo o educador e filósofo brasileiro Paulo Freire, é impossível ensinar quem não quer aprender e a aprendizagem precisa estar em contexto.

Quando os jovens são desafiados a estudar problemas reais e serem protagonistas da proposta de soluções, a produção de conhecimento acontece. A norte Anika Chebrolu usou uma técnica chamada de in-silico usando apenas o computador para encontrar moléculas que podem se agrupar à proteína do novo coronavírus e, desta forma, impedir que a infecção ocorra.

A descoberta trouxe reconhecimento internacional e o prêmio de melhor jovem cientista da América de 2020 no Desafio Jovem Cientista 3M.

Aprendizagem solidária

O trabalho de Anika é bem alinhado à proposta de aprendizagem solidária e pode ser desenvolvido em qualquer escola, qualquer idade. A proposta pedagógica consiste em ensinar a partir de algumas premissas:

- o protagonismo juvenil é incetivado
- a pesquisa para o bem comum, a serviço de um mundo melhor é a maior motivação. Há intervenção na realidade.
- o trabalho colaborativo é desejado
- aprender é mais do que estudar para ir bem nos exames (ter boas notas é apenas uma consequência do processo de evolução da aprendizagem)
- o professor é orientador, o aluno é pesquisador


Se interessou? Conheça essa prática crescente ao redor do mundo

O que é aprendizagem solidária?
NYLC - National Youth Leadership council
Service Learning
CLAYSS - Centro LatinoAmericano de Aprendizaje Servicio Solidario
Rede Brasileira de Aprendizagem Solidária
Europe Observatory of Service Learning in High Education
Roser Battle - Aprendizaje servicio - Barcelona




Comentários